A margarida apareceu olê olê olá… ♫♪♫

Continua a música Armandiaaa!! Rsrs

Então galera… Tô meio sumida do blog, até o Andy já tava perguntando porque não tava escrevendo… Jag vet.. Mas é que realmente não tinha muita coisa acontecendo por aqui, e eu preciso de inspiração pra escrever… Só vou escrever quando realmente tiver algo a compartilhar com meus leitores…

Bom, o verão vai se esvaindo pelas terras escandinavas, que a propósito QUE VERÃO! Praticamente tempo muito bom desde o início até agora, deu pra pegar sol, deu pra nadar no mar, deu pra usar short, vestido, chinelo… rsrs Sai em todos os jornais, porque um verão longo aqui não é muito comum… Eu acho que as forças superiores resolveram nos abençoar com um verão de verdade pra eu não assustar e achar que aqui é frio o tempo todo e desanimar… Apesar de gostar do frio, sentir na pele o que é viver grande parte do ano em temperaturas gélidas, é outra história… Ainda vou sentir qual será minha impressão dessa experiência e conto a vocês… Minha sogrita esteve de férias na Grécia bastante tempo, e nós ficamos por aqui cuidando da casa e dos gatinhos dela.. Claro, não só por esta razão, mas porque eu e Andy estivemos numa busca incansável por emprego… Daí não tivemos, assim por dizer, férias… Aproveitei esse tempo também me aperfeiçoando em um dos meus hobbies favoritos, a arte da culinária.. Fiz várias refeições e sobremesas diferentes, cada uma de dar água na boca (quem me acompanha no instagram ou no face, deve ter percebido as fotos de comida rsrs) Eu gosto de tirar foto de comida, principalmente quando é algo bonito e apetitoso… É a gordinha em mim se manifestando… rsrs

Desde que terminei o SFI, noto que venho só melhorando meu sueco a cada dia… E após 6 meses aqui, já consigo me comunicar e entender o que as pessoas falam bem e, como sempre foi com os outros idiomas que aprendi, não tenho medo de falar errado e estou sempre conversando.. Tenho um plus por morar com a família do Andy, que é eles me corrigirem quando falo algo gramaticalmente incorreto, e logo lembro e começo a fixar mais na memória… Se estiverem aprendendo qualquer idioma, não tenham medo, pratiquem, usem a língua… #ficaadica As aulas de sueco já começaram novamente, num outro curso, pois terminei o primeiro.. Mas agora talvez devo pular pra um outro curso que é uma espécie de ajuda a estrangeiros com nível acadêmico a se colocarem melhor no mercado de trabalho sueco.. Esse curso é na faculdade de uma cidade próxima daqui… Parece ser mais interessante para mim, do que aulas de ensino fundamental de sueco rsrs…

Então, voltando ao assunto busca de emprego, eu e Andy nos inscrevemos para dezenas de vagas, mais ou menos da mesma maneira que fazemos no Brasil, pela internet em sites de busca de emprego.. Ele não havia feito isso desde quando chegamos aqui, pois tinha feito inscrição para fazer um curso na faculdade e estava aguardando resposta se conseguiu uma vaga ou não… Depois que percebeu que ficou na reserva, começou a mandar CVs.. Ele teve umas 4 respostas positivas, e fez entrevistas em duas empresas… As duas se mostraram bem interessadas nele e pareciam ser boas oportunidades na área que ele experimentou no Brasil e teve grande sucesso, vendas… Então, com grande dificuldade, ele escolheu uma, e começou a trabalhar! Trabalhou 3 dias, até que… Chega a resposta da faculdade que ele conseguiu a vaga que tinha se inscrito… Pode? Agora ele virou estudante novamente… Tsc tsc Mas fiquei muito feliz por ele ter conseguido essa vaga, sei que isso é muito bom para ele e que o ajudará na busca de um emprego melhor…

Eu também me inscrevi para diversas vagas que se encaixavam no meu perfil, inglês fluente, áreas de compras, planejamento, logística e etc… Enfim, a gente tem que atirar pra tudo quanto é lado pra ver se alguma flecha volta né? E não é que uma voltou?! Algumas horas depois de ter feito a inscrição para uma vaga, meu telefone toca.. E o desespero da pessoa em ter que falar sueco, pelo telefone, sobre uma oportunidade de emprego… Eu tremia, só sabia falar ja, ja, ja (sim, sim, sim)… Consegui marcar a entrevista com muito custo, mas nao sabia de onde era, pois havia me inscrito para tantas vagas.. hahaha… Mas depois recebi um email, consegui me recompor e descobri de qual se tratava… Fui fazer entrevista (em sueco) em Göteborg numa empresa recrutadora que fornece funcionários para seus clientes, foi ótima e a pessoa pareceu gostar de mim.. Depois recebi resposta que ela realmente tinha se interessado e que iria me apresentar para seu cliente… Depois disso recebi um retorno que o cliente queria me entrevistar, pois havia se interessado por mim.. Aí a conversa pelo telefone já foi mais tranquila, pois já conhecia a menina da outra entrevista… Lá vamos nós pra Göteborg de novo pra mais uma entrevista.. Não mencionarei de qual empresa se trata, pois sei lá, não tô afim, tenho medo de olho gordo, e não sei se é legal… Amigos queridos, se quiserem saber é só me perguntar no particular… A entrevista também correu bem, falei o tinha pra falar, mostrei que meu sueco não é perfeito, mas que a minha intenção é só melhorar, visto que estou no país a apenas 6 meses… Nem fiquei muito segura, por causa dessa barreira linguística, mas não é que o carinha gostou de mim… Não sei se foram meus olhos verdes, minha pele morena, hahaha… Zuera.. E então recebi uma ligação dos recrutadores que eles realmente estavam interessados em mim, e que se começar no início de outubro estava bom para mim, e que ele aguardava uma resposta final do cliente se eles se decidiriam por mim mesmo.. Nem acreditei… No momento estou aguardando essa resposta e espero que seja positiva, mas se não for, tudo bem também, parto pra outra… Numa boa… Em 6 meses, aprendi uma língua estrangeira completamente diferente das que já falo, fiz entrevistas nesse idioma com pessoas de cultura diferente, e tá funcionando?? Desculpa, mas eu sou phoda.. rsrs Eu só estou muito orgulhosa de tudo o que já consegui alcançar nesse pouco tempo que vivo em terras vikings… Muita luta, adaptação, paciência, saudades e choro estão envolvidas nesse processo… Mas eu estou vencendo, e estou muito feliz por isso! Vencer essas barreiras é o que me motiva, é o que me faz feliz! Depois dessas, eu arrumo outras para superar… #forcanaperuca

PS: Pro post não ficar sem foto, vai uma compilação dos meus quitutes… rsrs

Sugar monster...

Sugar monster…

Anúncios

6 thoughts on “A margarida apareceu olê olê olá… ♫♪♫

  1. Uau! Quanta confiança! Eu levo quase 5 anos vivendo aqui e apesar de falar sueco fluentemente ainda gaguejo, transpiro, faço figura de idiota quando tenho que falar essa língua com alguém que não conheço ou com o qual não tenho confiança. Sou muito insegura (dá pra notar né?) e isso é um grande incómodo. Mas vou tentar pensar em você quando surgir alguma situação do género haha “Se a Priscila conseguiu eu também tenho que conseguir” 😀
    Parabéns por ter conseguido a entrevista, fico a torcer para que consiga o emprego também!! 😀
    Beijos

    • Muito obrigada pela torcida Joaninha! Eu também fico nervosa, claro, ainda mais p uma entrevista, mas qdo chega a hora eu penso “vou fazer o meu melhor”.. Meu melhor ainda não é perfeito, tanto q foi isso q falei p meu entrevistador, mas eu quero e vou continuar me aperfeiçoando no idioma até ficar fluente também.. Espero q vc pensar nisso t ajude nos seus momentos d “ansiedade lingüística” rsrs

      Bjoks!

  2. Que venha o sucesso, em todos os âmbitos de sua vida pessoal e profissional, minha filha(saudades e tbm engasgadas de felicidade por vc), nesta terra “tão tão distante”(rsrsrsr).

    Bjoks!

  3. Pri!
    Que maravilha!! Então… emprego em Göteborg=mudar para Göteborg?
    (óoníveldecarênciadapessoa!)…
    Eu tenho problemas para falar ao telefone em sueco depois de 2 anos e meio, então afirmo que você deve ficar tranquila com isso por enquanto. Meu negócio com linguagem é mais visual, eu tenho que ver a boca da pessoa movendo às vezes pra entender as palavras. Mas eu ando treinando meu ouvido com rádio e tem me ajudado, então eu deixo essa experiência como dica para ti.
    Sucesso!

    • Pô Maria.. Bem q eu queria viu.. Mas c o Andy estudando em Trollhättan, é mais provável q a gente vá para lá.. Mas se eu conseguir o emprego to todo dia em Göteborg, à gente vai trombar toda hora… Eu tb tenho bem mais facilidade em ver a pessoa falando do q ouvir pelo telefone, eu assisto bastante coisa na tv, mas ainda assim tem o visual né.. Vou usar sua dica do radio! Valeu! Bjoks

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s